Nota de Repúdio

25/05/2016 21:26


A Associação de Praças de Pernambuco (ASPRA - PE) vem a público repudiar as ações da Corregedoria. Afinal, qual o objetivo da Corregedoria? Desestabilizar os policiais militares? Pais e mães de família estão sendo presos, humilhados. Enquanto o governador Paulo câmara que ver os policiais na rua combatendo a marginalidade, o corregedor Sevilho Paiva quer ver os policiais no presídio.
De uma hora pra outra, a Corregedoria resolveu retirar viaturas, bem como seus tripulantes, sem que haja a comprovação de nenhum crime. É por esses e outros motivos que o pacto pela vida está em total descredito.

São coisas absurdas que estão acontecendo com aqueles que defende, diuturnamente, a sociedade da marginalidade.
"Nós policiais não somos bandidos! Quem deve ser autuado em flagrante e preso, são aqueles que cometem crimes. Então parem de prender  nossos policiais", questiona o presidente da ASPRA - PE, José Roberto Vieira.
Para ele, a medida em que ele bota um policial atrás das grades , é um policial a menos nas ruas.

 Isso é constrangedor! A categoria está revoltada com as atitudes deste gestor que tira proveito de um regulamento arcaico, ultrapassado. A ASPRA - PE vai cobrar maior celeridade na mudança do Código Disciplinar.
Tais fatos comprovam cada vez mais o quanto o Código Disciplinar é arcaico e inadequado, necessitando de uma ugente reformulação que vem sendo empurrada com a barriga há anos. Chega de tanto abuso de autoridade! ASPRA - PE exige respeito.


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!