Governo descumpre acordo com militares

19/02/2015 13:05

Decepção. É o sentimento que toma conta do Corpo de Bombeiro Militar de Pernambuco com a redução dos cargos de promoção de cabos a sargentos. Preocupada com a tropa, a Associação de Praças de Pernambuco (ASPRA-PE) convocou de imediato os BMs que foram prejudicados para uma reunião na sede da entidade, diante das solicitações feitas pelos mesmos que procuraram a diretoria da ASPRA – PE. A reunião aconteceu na manhã desta quinta-feira (19.02). Um grande número de bombeiros compareceu. O sentimento é de total frustração.  

“Queremos que o Governo cumpra o que prometeu. Após divulgar a promoção de 409 cabos a sargentos, conforme acordado na mesa de negociações (inclusive com publicação no Diário Oficial no dia 11.02). O Governo do Estado, sem nenhuma explicação, fez outra publicação com apenas 340 vagas. Cadê a palavra do Governo?” questiona o presidente da ASPRA – PE, José Roberto Vieira. Além dele, participaram da reunião os diretores Salatiel Berto e Marcos Galindo.

Na ocasião, José Roberto ligou para integrantes da Secretaria de Defesa Social e Secretaria de Administração alertando sobre a situação e o prejuízo para 69 famílias. A expectativa é que aconteça uma reunião para tratar da questão. A ASPRA- PE acredita que fica difícil para a tropa acreditar nos próximos passos mas continuará junto às autoridades do Governo cobrando na íntegra o que foi acordado nas reuniões e que foi publicado no  Diário Oficial do dia 11.02. 

 

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!